Como Usar o Google Drive Offline?

O Google Drive Offline é uma excelente alternativa para quem deseja editar seus arquivos, mesmo estando sem internet. A hospedagem em nuvem chegou para otimizar e muito o nosso dia a dia.

Contudo, é comum que as pessoas passem por instabilidades na web. Quando a internet cai, é comum que usuários de outros serviços do gênero fiquem sem qualquer acesso aos arquivos.

E se com você também acontece isso, saiba que é possível acessar o Google drive sem internet.

Nesse post, você vai conferir um passo a passo que preparamos para lhe ensinar como usar o Google Drive, mesmo estando sem internet. Confira!

Passo a passo de como usar o Google Drive Offline

Para você usar o Google Drive Offline, é necessário acessar a plataforma pelo navegador Google Chrome. Depois, é só seguir o passo a passo abaixo:

  1. Instale o app do Google Drive no seu navegador. Normalmente ele já vem instalado, mas se você não o encontras é só acessar a loja do browser e procurar por Google Drive;
  2. Agora acesse o endereço drive.google.com;
  3. Em seguida, faça o seu login (caso você ainda não tenha um login no Google, crie um);
  4. Clique em configurações. A opção á representada pelo símbolo de uma engrenagem e fica no canto superior direito da tela do seu computador;
  5. Agora, ative a alternativa referente a sincronização dos arquivos e demais recursos Google neste pc para edição off-line”;
  6. Em seguida clique em Concluir;
  7. O próximo passo é acessar o Google Docs. Para isso basta acessar esse link;
  8. Em seguida, clique em Configurações. Dessa vez a opção será encontrada no ícone de três barrinhas na horizontal e está localizada no canto superior esquerdo da tela;
  9. Verifique se a alternativa sincronização off-line está ativado. Caso não esteja, ative-a;

Pronto! Agora você já pode acessar o Google drive Offline, e editar os seus documentos sempre que não estivar com internet. Além da sincronização pelo navegador, você também pode ativar essa solução pelo app.

Ativando o Google Drive Offline pelo app

Para ativar o Drive Offline pelo app, basta seguir os passos abaixo:

  1. Faça o download do Google Drive para o seu PC clicando nesse link https://www.google.com/drive/download/ (o aplicativo está disponível para PC, MAC, iOS e Android);
  2. Aguarde enquanto o download e instalação do programa;
  3. Em seguida, faça login com o mesmo usuário e senha que você utiliza no seu navegador;
  4. Escolha se você deseja sincronizar todos os arquivos e pastas do seu computador, ou apenas alguns.

O programa criará uma pasta nova intitulada Computador no GD, onde você poderá acessar todos os arquivos salvos de forma offline.

Caso você faça alterações enquanto estiver sem internet, elas serão atualizadas depois de restabelecer uma conexão. Além disso, você poderá acessar todos os arquivos através de dispositivos móveis como tablets e smartphones, que tenham o programa instalado.

Agora que você já sabe como usar o Google Drive offline, não deixe de ativar essa opção na sua conta. Essa é uma excelente alternativa para quem deseja ter acesso a todos os arquivos e documentos salvos na plataforma, mesmo quando estiver sem internet.

Ficou com alguma dúvida sobre como acessar o serviço? Aproveite e deixe ela nos comentários.

Google Alerts: O que é e Como Usar o Google Alertas?

O Google Alerts é uma excelente ferramenta para quem deseja saber as últimas notícias sobre determinado assunto. Ele pode ser usado tanto por pessoas que querem acompanhar temas do dia a dia, como, também, para marcas que desejam ver como elas estão aparecendo na mídia.

Inclusive, essa é uma ótima opção para empresas que precisam fazer o clipping de assunto. Que nada mais é que essa triagem de notícias sobre determinados temas.

Confira nesse post tudo o que precisa saber sobre o Google Alerts, desde o que é, até como usar essa ferramenta.

O que é o Google Alerts?

O Google Alerts é uma ferramenta muito bacana que detecta notícias e outros conteúdos sobre determinadas temáticas. Ela consegue fazer uma varredura dentro do buscador Google e te mostra uma lista completa relacionada ao assunto que você escolheu.

Tudo é encaminhado para o seu e-mail, e você pode gerenciar esse recurso. Você pode, por exemplo, selecionar que tipos de conteúdos devem ser levados em consideração, ou a periodicidade de envios de notícias encontrada.

Como usar o Google Alerts?

Se você quer ser notificado sobre as principais notícias e conteúdos sobre os assuntos de sua preferência, esta é uma excelente ferramenta. Veja abaixo o passo a passo para configurar esse recurso.

  1. Primeiramente, se logue na sua Conta do Gmail que permite que você use todos os recursos do Google;
  2. Agora, acesse o site do Google Alerts clicando nesse link;
  3. Na barra de pesquisa, digite o assunto par ao qual você deseja criar um alerta;
  4. Clique em mostrar opções;
  5. Na primeira você irá determinar a frequência com que deseja receber notificações;
  6. Na segunda, selecione o tipo de fonte (notícias, blogs, vídeos entre outras);
  7. No terceiro campo selecione o idioma das notificações que deseja receber;
  8. No quarto campo, determine a região de onde você deseja receber os alertas;
  9. No quinto campo você irá determinar quantos alertas deseja receber;
  10. E por último você irá selecionar para qual e-mail deseja que os alertas sejam enviados;
  11. Depois que você ajustar todos os campos é só clicar em Criar Alerta.

Pronto! Agora você já irá receber alertas sobre o assunto selecionado, sempre que algum conteúdo sobre ele foi localizado pelo Google. O bacana é que você pode criar quantos alertas desejar, sem qualquer restrição.

Além disso, o próprio Google Alerts te dará algumas sugestões de assuntos. Assim você poderá se manter sempre informado sobre os assuntos do momento.

O Google Alerts como uma ferramenta da sua estratégia de marketing digital

O Google Alerts é uma excelente ferramenta para a sua estratégia de marketing digital. Isso porque, com ela será muito mais fácil mensurar onde a sua notícia, marca ou campanha está sendo divulgada.

Com esse recurso, será bem mais fácil fazer o clipping de suas ações, e, assim, saber exatamente o retorno dela. Além disso, ele conseguirá centralizar todos os tipos de conteúdo em um único lugar.

Por isso, não deixe de usar o Google Alerts no seu dia a dia. Você verá como ele irá facilitar a localização de notícias e conteúdos sobre os assuntos de seu interesse.

7 Ideias de Negócios Lucrativos para Ganhar Dinheiro na Internet!

Você já pensou em Ganhar Dinheiro na Internet? A web é um espaço perfeito para pessoas que desejam se tornar empreendedores digitais e começar a lucrar sem sair de casa.

Uma das principais vantagens de ter um negócio digital é que a burocracia e investimento é bem menor. É possível, inclusive, começar vários tipos de negócios sem investir um único centavo.

Confira abaixo algumas ideias para você ganhar dinheiro na internet.

Descubra como ganhar dinheiro na internet com estas dicas incríveis!

  1. Loja virtual

O e-commerce tem crescido cada vez mais no Brasil. A grande maioria dos usuários já fez alguma compra pela web, logo, ter uma loja virtual é uma grande ideia.

Você pode tanto comercializar seus próprios produtos, como também fazer parcerias com fornecedores e vender mercadorias sem precisar criar um estoque em casa.

=>>  Saiba também: Como Vender Mais com Automação de Marketing? <==

  1. Classificado online

Atualmente, as pessoas usam a internet para pesquisar sobre tudo, desde imóveis, até veículos. Outra ideia de como ganhar dinheiro na internet é criando um classificado online.

Com ele você poderá lucrar tanto com a criação de anúncios, como, também, com publicidades e até mesmo cobrando comissões por cada venda.

  1. Programa de afiliados

Tornar-se um afiliado também é uma ótima maneira de Ganhar Dinheiro na Internet. Basicamente, você irá trabalhar divulgando os produtos de terceiros, em páginas da web e redes sociais.

A cada venda realizada com a sua indicação, você irá ganhar uma comissão. O grande diferencial é que você não precisa se preocupar com a logística de nada, mas, apenas em divulgar os produtos e serviços.

  1. Site de relacionamento

Os sites de relacionamento também estão bombando. Cada vez mais usuários tem procurado esse tipo de plataforma para conhecer outras pessoas.

Ao contrário do que muita gente pensa, não é necessário um extenso conhecimento em programação. Atualmente é possível comprar um sistema de site de relacionamento completo pagando a partir de U$ 60.

Você consegue lucrar de diferentes formas, desde criando contas VIP, até com a inserção de anúncios.

  1. Produtos digitais

Você tem conhecimento em uma área específica, pode ser desde redação para Enem até artesanato, então uma boa ideia de como Ganhar Dinheiro na Internet é criando produtos digitais.

Os infoprodutos são materiais disponibilizados em formato digital, tais como: e-books, videoaulas, planilhas e cursos online. Tendo apenas um computador, você pode produzir esses conteúdos e comercializá-los na web.

Existem várias plataformas para isso, desde a Hotmart até programa de afiliados, como Eduzz. Existe um curso de facebook ads para afiliados, que ensina exatamente como vender esses produtos digitais ou físicos através da internet.

 

  1. Blog

O blog é uma das maneiras mais tradicionais de se Ganhar Dinheiro na Internet. Você pode criar um em questão de minutos, com menos de R$ 25 reais.

Os rendimentos que você irá obter virão de anúncios e parcerias. O Google Adsense, por exemplo, é uma excelente forma de monetizar a sua página.

  1. Consultorias online

Mais uma vez, se você tem conhecimento específico em alguma área, como, por exemplo, marketing, você pode prestar consultorias para empresas de diferentes portes, através do seu próprio PC.

Resumindo:

Agora que você sabe como Ganhar Dinheiro na Internet, comece hoje mesmo a conquistar a sua independência financeira. Aproveite a tecnologia como ferramenta para sua vida toda! 🙂

Como Recuperar Fotos Apagadas do Google Fotos?

Apagou sem querer e agora precisa saber como recuperar fotos apagadas do Google Fotos? Continue lendo! 🙂

Para quem tira muitas fotos com seu smartphone, reservar um espaço no aparelho para guardar tudo isso é um problema. Muitas vezes, nos vemos diante de um dilema: apagar qual foto?

Para ajudar a resolver esse problema, o Google Fotos é uma verdadeira mão na hora. Com bastante espaço livre, o aplicativo permite que o usuário faça backup das fotos captadas pelo aparelho, que ficam armazenadas em nuvem, deixando a memória de seu telefone livre.

Apesar de ser muito simples de usar, alguns usuários podem, acidentalmente, apagar imagens que gostariam de manter. E agora, o que fazer?

A boa notícia é: existe uma maneira para recuperar fotos apagadas do Google. Não sabe como? Podemos lhe ajudar, com o tutorial que preparamos. Boa leitura.

Como recuperar fotos apagadas por acidente no Google fotos

Para conseguir recuperar fotos apagadas do Google, o usuário pode utilizar o próprio aplicativo. O caminho é bem semelhante, independente do sistema operacional do aparelho.

Para os usuários de iPhone, por exemplo, basta abrir o aplicativo e tocar a opção lixeira, vista no menu superior.

Em seguida, basta manter a imagem pressionada para recuperar fotos apagadas do Google. Aqui, você pode selecionar quantas imagens quiser. Depois, é só clicar na seta em formato circular, que fica ao lado da lixeira e, pronto, suas fotos estarão de volta.

Já para os usuários de Android que querem recuperar fotos apagadas do Google, o caminho é exatamente o mesmo: menu, opção lixeira, selecione quantas imagens deseja recuperar e, pronto, imagens devolvidas.

Atenção: esse caminho é possível apenas para imagens que foram apagadas por acidente por menos de 60 dias, período em que o Google mantém arquivos na lixeira antes de serem eliminados do aparelho permanentemente.

Já se passaram 60 dias, e agora?

Para recuperar fotos apagadas do Google com mais de 60 dias, é preciso que o usuário, de smartphones Android, instale um aplicativo em seu aparelho: um software de recuperação de dados.

Aqui, basta seguir o seguinte passo a passo: primeiramente, abra o aplicativo e conecte seu celular a um computador. Clique em iniciar para que o software reconheça e se conecte ao dispositivo.

Depois de conectado, o software identificará rapidamente todos os arquivos, inclusive os perdidos.

Em seguida, basta pré-visualizar todos os arquivos recuperáveis individualmente e selecione-os um a um. Para facilitar, selecione a opção “exibir somente arquivos excluídos”.  Após esse passo, basta clicar em recuperar, para recuperar fotos apagadas do Google.

Tenho um iPhone. E agora?

Para os usuários de iOS, embora não exista um programa nos moldes do desenvolvido para os dispositivos Android, é possível recuperar essas imagens, desde tenha sido feito um backup do aparelho antes de 60 dias.

Neste caso, as fotos ficarão salvas no backup do aparelho, sendo possível trazer de volta as imagens apagadas por acidente.

Para isso, basta fazer login no site do iCloud, clicar em fotos, aguardar o carregamento e, então, clicar naquelas que deseja recuperar. É possível baixar uma ou várias fotos de uma única vez.

Conclusão:

Agora que você já sabe Como Recuperar Fotos Apagadas do Google Fotos, não entre em pânico! Gostou do artigo? Compartilhe com todos as pessoas que você deseja! 🙂

 

Como usar o Google Maps e Gastar menos Bateria?

Usar o Google Maps é uma verdadeira mão na roda para os motoristas das grandes cidades, final o aplicativo ajuda a encontrar rotas para todos os lugares e até dá dicas de restaurantes, shows e eventos, por exemplo.

Mas, quem usa esse aplicativo nota rapidamente um consumo enorme de bateria. Isso acontece porque, para funcionar adequadamente, o Google Maps não precisa apenas “estar ligado”.

Quando você decide usar o Google Maps, ele segue procurando conexões de dados a todo o instante, para triangular as antenas e colocar o GPS para funcionar. Mas, e então, como utilizar o aplicativo sem acabar com a sua bateria? Seguindo as dicas que traremos aqui.

Como-usar-o-Google-Maps-e-Gastar-menos-Bateria
Foto: Pixabay

Veja agora Como usar o Google Maps de forma Econômica:

1 – Desativar o update automático de outros aplicativos

Quando você for usar o Google Maps e quiser economizar a bateria, uma dica muito útil é desativar as atualizações automáticas de outros aplicativos.

2 – Desligar o brilho automático da tela

A tela de um smartphone consome muita bateria. Por isso, quando for utilizar o aplicativo e quiser economizar, uma boa saída é desligar o brilho automático da tela.

3 – Desativar os dados em segundo plano

Enquanto estiver usando o aplicativo, desative o consumo de dados em segundo plano, para evitar que outros aplicativos consumam a bateria de seu smartphone.

4 – Desligue a tela quando não estiver sendo usada

Quando usar o Google Maps e quiser economizar bateria, desligue a tela, ativando a função de navegação ativada por voz. Assim, você ouvirá os comandos, e não precisará visualizá-los na tela.

Para usar essa opção, basta escolher a modalidade com som na tela de configuração de rota, assim a assistente de voz do aplicativo ditará todo o caminho. Caso selecione ser avisado apenas de alertas, os únicos avisos que serão dados são de problemas e perigos na rota.

5 – Usando a versão offline

Quem deseja economizar bastante bateria pode usar o Google Maps na versão offline. Aqui, o aplicativo não tem tantos recursos quanto sua versão online, porém ele permite que o usuário baixe toda a rota.

Entretanto, essa opção requer bastante espaço livre, pois um mapa baixado ocupa, em média, 300 mb da memória de seu aparelho.

6 – Usando a versão offline com o modo avião

Quem precisa usar o aplicativo e não pode carregar a bateria, pode utilizar a versão offline do Google Maps, com um mapa que tenha baixado anteriormente e, então, ativar a navegação em modo avião.

Porém, é importante saber que, nesse tipo de uso, não é possível obter os dados de trânsito, e a localização do motorista não ficará precisa, pois o aparelho não conseguirá acessar as redes WiFi.

7 – Mudar o modo de localização

Quem usa o Google Maps e precisa economizar a bateria pode mudar o modo de localização, retirando a precisão do aplicativo. Aqui, basta selecionar a opção de economia de bateria.

8 – Desligar o trânsito e o satélite

Outra forma de economia de bateria no aplicativo é desligar a função trânsito no aplicativo. Além de economizar dados móveis, essa opção ajudará a poupar bateria, já que o app não precisará se conectar a outros para solicitar os dados.

Conclusão:

Agora que você já sabe como usar o Google Maps de maneira econômica, tem mais uma opção além do famoso app Waze. Gostou do artigo? Compartilhe com todos as pessoas que você deseja! 🙂