Quando é a hora de trocar de Smartphone?

O smartphone é um dos grandes aliados de nosso dia a dia. Seja para estudar, trabalhar ou mesmo sair com amigos, esses aparelhinhos inteligentes ajudam muito, afinal eles ajudam a organizar a vida pessoal e profissional.

Mas, como tudo na vida, esses aparelhos apresentam desgaste com o passar do tempo, e terminam dando mais dores de cabeça do que alívio.

Você sabe quando é a hora de trocar de smartphone? Não tem nem ideia de quando fazer isso? É simples, basta seguir os sinais que listamos abaixo.

Travamentos constantes:

Seu celular está travando o tempo todo? A tela simplesmente congela enquanto você tenta realizar tarefas simples. Então talvez seja a hora de trocar de smartphone.

No entanto, antes de decidir pela compra de um aparelho novo, é importante se fazer algumas perguntas: que tipo de tarefas costumam travar mais seu celular? Fez alguma atualização recentemente? Instalou algum aplicativo que costuma dar problema?

Se a resposta para alguma destas perguntas for sim, a substituição pode esperar. Agora, se você disse não para todas, é hora de escolher um modelo novo.

Telefone muito quente

Smartphones mais antigos costumam, depois de um tempo, esquentar conforme o aparelho é usado. Por isso, se seu aparelho começar a ficar muito quente, mesmo quando você não estiver utilizando, é hora de trocar o smartphone.

Pouca memória

Conforme o tempo de uso de um smartphone avança, a memória interna do aparelho pode se mostrar insuficiente para a quantidade de aplicativo e arquivos como fotos e vídeos que você salva.

Então, se você não tem mais espaço em seu aparelho para armazenar quase nada, talvez seja hora de trocá-lo. Mas, antes, verifique se há um cartão de memória disponível para expandir esse espaço de armazenamento. Assim, você pode esperar um pouco mais pela substituição.

Sistema desatualizado

Com o avanço da tecnologia, os sistemas operacionais dos telefones mais modernos tendem a ficar desatualizados muito rapidamente. E, como sabemos, um sistema desatualizado, além de impedir que você tenha acesso a muitas funcionalidades, impede a obtenção de novos aplicativos e, ainda, representa uma grande ameaça à segurança do usuário.

Por isso, se seu sistema não receber mais atualizações, é hora de trocar de smartphone.

Poucos recursos

Os donos de celulares mais antigos costumam sofrer com aparelhos sem muitos recursos. Afinal, os fabricantes costumam turbinar os dispositivos mais novos, com funções que ajudam a melhorar a qualidade de vida do usuário, como medidores de sinais vitais e aplicativos que ajudam a monitorar o resultado de atividades físicas.

Além disso, quando você decide trocar de smartphone, consegue um aparelho que carrega mais rápido e economia energia, já que a bateria e todos os componentes são novinhos em folha.

Bateria descarregando

Quando um telefone envelhece, um dos primeiro sinais que se nota é a bateria. A carga que antes era o suficiente para o dia todo, agora dura menos da metade do período, obrigando o usuário a ter um carregador sempre por perto.

Por isso, se sua bateria estiver viciada, talvez seja a hora de trocá-la. E se nem isso der certo, é o momento de trocar o aparelho e adquirir um modelo novo.

Agora que você já sabe qual a hora certa de trocar de smartphone, fique sempre atento as possíveis consequências de um sinal de troca de seu mini computador! Gostou do artigo? Compartilhe com todos as pessoas que você deseja! 🙂

Conheça 3 Aplicativos Android para Pegar no Sono Mais Rápido!

1 – Sleep as Android

Esse é o clássico dos aplicativos que ajudam no sono, está disponível apenas para Android e gratuito! Trata-se de um despertador inteligente que registra todos os ciclos do sono e registra tudo em um gráfico. Além de fazer você dormir bem, ele também te acordará nas horas certas!

5-Aplicativos-Android-sleep-as-android

 

2 – Sleep Genius

Esse já é um App que roda tanto na plataforma Android quanto na iOS. Trata-se de um aplicativo pago nas duas plataformas. O aplicativo Sleep Genius foi desenvolvido por especialistas em neurociência, inclusive ajudando até a equipe de astronautas da NASA a dormirem com mais qualidade!

 

3-Aplicativos-Android-sleep-genius

3 – Sleep Cycle alarm clock

Outro despertador gratuito inteligente, e que possui uma simples interface simples de uso! Esse app também monitora os movimentos da pessoa enquanto dorme, usando análise de som ou de vibração.

Você só precisa ativar o aplicativo quando for dormir e deixar seu smartphone ao seu lado da cama no chão ou na cabeceira.

3-Aplicativos-Android-Sleep-Cycle-alarm-clock

E agora, instalo os 3 Aplicativos Android para Pegar no Sono?

A partir de agora, você pode instalar apenas um aplicativo apenas e testá-lo durante 15 dias ou até um mês. Caso não tenha gostado da característica ou resultado, basta deletá-lo e iniciar os testes com seu novo aplicativo para seu sono melhorar.

É importante reforçar que os aplicativos não fazem milagres, embora possam ajudar a melhorar a qualidade do sono. Qualquer informação coletada nesses aplicativos são importantes a título de monitoramento, inclusive é muito interessante você poder mostrar esses resultados e informações a seu médico, para que o mesmo possa fazer uma avaliação mais contundente sobre sua saúde.

Evite golpes: Cinco dicas para verificar um smartphone pirata

Com a popularização dos smartphones e o acesso mais fácil à tecnologia, atualmente qualquer pessoa sonha com um telefone inteligente. De preferência, das marcas e modelos mais caros.

Para realizar esse sonho, muitos pagam qualquer valor, e não se dão conta que podem estar adquirindo um smartphone pirata. Aliás, você saberia identificar um telefone falso de outro original?

Tem noção do que procurar ou como comparar os dois dispositivos? Não? Tudo bem. Preparamos um texto com cinco dicas que irão lhe ajudar a verificar um telefone falso.

Dica 1: Preço muito baixo

Um smartphone pirata costuma custar barato. Mas não simplesmente barato. Muito barato. Do tipo que sai praticamente pela metade do preço de um aparelho novo, comprado em uma loja oficial.

Entrou em um site ou em uma loja e viu um telefone ultramoderno por um preço excessivamente baixo? Desconfie, e compare imediatamente com os valores cobrados por lojas oficiais.

Dica 2: Boa aparência, mas só por fora

Celulares originais costumam ser muito bem acabados e utilizar materiais de último tipo. Já um smartphone pirata, embora seja até parecido com o produto verdadeiro deixa muito a desejar.

Em geral, os componentes plásticos utilizados nos piratas têm rebarbas e cortes mal acabados. Os componentes metálicos enferrujam com facilidade, e a tinta utilizada para pintar os instrumentos era bem diferente da tonalidade original do aparelho.

Além disso, o smartphone pirata pode conter erros de digitação em componentes, como a marca do aparelho. O logo das empresas fabricantes dos telefones também pode ter alguma diferença, sendo levemente semelhante ao original.

Dica 3: IMEI

O IMEI é o RG dos smartphones. Ele serve para identificar os aparelhos e garantir que sua procedência é garantida.

Nos telefones originais, cada IMEI é único, e não se repete. Então, se você comprou um  aparelho que não possui o código, ou ele é exatamente igual ao de outro telefone, sinto informar, mas com certeza você comprou um smartphone pirata.

Dica 4: Acabamento

O acabamento nos smartphones falsificados é muito ruim. Em geral, o aparelho é uma cópia descarada do original, usando material de baixa qualidade, com rebarbas, plástico, baixa resolução nas imagens captadas pelo aparelho, entre outros.

Outro ponto que deve chamar a atenção são os acessórios que acompanham esse smartphone. Material de baixa qualidade, pintura ruim, lascas de plástico em toda a sua extensão ajudam a identificar uma imitação barata.

Dica 5: Presença do selo da Anatel

A Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) é a responsável por fiscalizar todos os celulares que entram no Brasil. Dispositivos originais costumam ter, colado em sua parte traseira ou em itens como o carregador, um selo tridimensional que comprova sua origem.

Já os celulares piratas não tem esse selo. Em alguns casos, no entanto, os criminosos já conseguiram tentar imitar o selo da Anatel, para dar ao consumidor desavisado a impressão de que está comprando um smartphone original por um preço muito menor do que o praticado nas lojas.

Então, antes de fechar a compra de um smartphone, avalie todos esses sinais, para garantir que não está levando gato por lebre.

Como Limpar o Cache de Aplicativos Android?

Quer saber Como Limpar o Cache de Aplicativos Android? Então continue lendo o artigo. 🙂

Para que funcionem bem, os aplicativos do Android criam arquivos temporários que armazenam dados e aceleram seu funcionamento. Com o tempo, no entanto, esses arquivos temporários acabam congestionando o cache de seu aparelho, deixando o smartphone lento.

Para liberar espaço na memória interna do aparelho e garantir que ele funcione mais rapidamente, é importante limpar o cache de aplicativos. Você sabe como fazer isso?

Como-Limpar-o-Cache-de-Aplicativos-Android
Foto: Pixabay

Para ajudar os usuários de aparelhos Android que querem resolver esse problema, preparamos um tutorial com tudo o que você precisa saber para limpar a memória de seu dispositivo e tê-lo como se fosse novo.

Limpar o Cache de Aplicativos Android: Liberando memória do seu aparelho

Para limpar o cache de aplicativos, acesse as configurações de seu aparelho Android, vá até a seção dispositivos e clique em aplicativos.

Em seguida, basta selecionar o aplicativo que deseja limpar o cache e selecionar a opção para apagar os dados armazenados nesse tipo de memória.

Como o procedimento é realizado individualmente, é preciso selecionar os aplicativos um a um, limpando cada um deles.

Além de limpar o cache de aplicativos, essa funcionalidade dos dispositivos Android permite também ao usuário liberar espaço na memória do aplicativo, através da opção “limpar dados”.

Neste caso, é importante saber que informações como contas, configurações e progressos de jogos serão apagados. Caso queira realmente liberar esse espaço, basta clicar em “ok”.

Porque limpar o cache dos aparelhos Android?

Por se tratar de um depósito temporário de memória, onde são armazenadas diversas informações capturadas por aplicativos, a memória cache costuma ficar cheia rapidamente.

Quando está muito cheia, essa memória prejudica o funcionamento do aparelho, deixando o dispositivo muito lento.

Por isso, é importante fazer uma limpeza periódica do aparelho, para liberar espaço e melhorar o funcionamento do dispositivo.

Entretanto, apesar de positivo, o aplicativo só deve ser limpo quando começar a apresentar problemas recorrentes, como travamentos, ou o usuário precisar mesmo de memória.

Porque limpar os dados dos aparelhos Android?

Assim como o cache cheio, o excesso de dados armazenados em smartphones com sistema operacional Android pode deixá-lo lento e sem memória para realizar processos simples.

Quando isso acontece, é hora de apagar os dados dos aplicativos. No entanto, é importante saber que várias informações serão perdidas nesse processo, e sempre que você for utilizar um aplicativo que tenha passado por esse processo, será como se ele tivesse acabado de ser instalado.

Por isso, a limpeza de dados deve ser feita apenas quando o aplicativo se comporta de maneira estranha, com opções de acesso que não aparecem ou não respondem ou, ainda, para solucionar problemas de funcionamento de aplicativos que já tenham passado pela limpeza de cache e continuem apresentando problemas.

Assim como o cache, a limpeza de dados não deve ser feita diariamente, pois influencia o funcionamento de aplicativos, principalmente aqueles que tem contas ou progressos salvos, como jogos.

Conclusão:

Embora pareça complicado à primeira vista, limpar o cache de aplicativos é bem simples, e pode trazer efeitos positivos, desde que o usuário respeite todos os procedimentos.

Gostou do artigo? Compartilhe com todos as pessoas que você deseja! 🙂